10 gafes para Evitar em Casamentos

10 gafes para Evitar em Casamentos

Alguma vez já pensou que poderia pagar um mico em uma festa? Agora imagine em um casamento. Um pesadelo não é mesmo? Algumas vezes não da para evitar… comida meia boca, servida muito tarde, poucos lugares para sentar e, tantos convidados que mal se consegue transitar nos salões.

No entanto, saiba que é possível organizar um casamento evitando algumas armadilhas fatais.

Veja abaixo 10 gafes a se evitar em casamentos:

1. Mega Lista de convidados:

Corte custos e facilite a logística. A tendência agora são casamentos menores (até no máximo 150 pessoas) e mais atenciosos em que todos os convidados tenham um tratamento VIP e exclusivo.

Colegas de academia, de trabalho e até mesmo gente que nunca foi a sua casa para um café não precisa ser convidada em um momento tão íntimo. É mais simples do que parece.

2. Cortejo interminável/altar apinhado:

Apesar de o costume variar de acordo com a região (no nordeste há regiões que usam até 15 casais), valorize seus padrinhos e pense em no máximo dois casais de cada lado. Com os pais dos noivos seu altar ficará organizado e elegante.

3. Madrinha de Preto no altar:

Se a noiva deixou a roupa a seu critério, evite o preto total no altar. Somente se for algo combinado entre todas as madrinhas (como a foto abaixo). Branco, creme e gelo também devem ser evitados, por motivos óbvios. Na festa estão liberados.

evitar em casamentos Madrinhas de preto em casamento utilizando o mesmo vestido

4. Noiva seminua:

não se trata de moral e sim de usar um modelo adequado ao contexto. Para que tanta exposição em um momento em que esta já acontece naturalmente, pelas circunstâncias?

evitar em casamentos Noiva seminua

5. Gelo seco na pista:

Esse e outros efeitos especiais semi tóxicos são de gosto duvidoso. Melhor investir em boa música, DJ com timing bem feito.

6. Atrasar o serviço de bufê:

Há quem acredite que servindo tarde (o jantar ou almoço) a festa dura mais tempo. Mas só aumenta o pileque dos convidados – e boa parte sai antes para comer.

7. Regular a lembrancinha:

Naturalmente lembrancinhas são feitas para serem levadas uma por casal. Mas há quem peça mais uma. Quem distribui deve estar instruído para não regular. É claro que o convidado com uma mínima noção de etiqueta social em eventos não vai levar mais do que uma por pessoa, mas nem todos são educados assim, não é mesmo?

evitar em casamentos lembracinha de casamento estilosa pacote personalizado

8. Brincadeira tem limite:

Ainda mais nesse dia tão formal e especial. Todo tipo de gracinha provavelmente já deve ter sido feita antes – nos chás de panela, despedidas de solteiro etc. Não custa maneirar.

9. Discursos intermináveis:

Por melhor que você fale, por melhor que seja a intenção, lembre que ninguém está lá para ouvir longas histórias ou casos. Se quiser, fale elegantemente por até dois minutos. É mais que suficiente.

10. Tapas para pegar o buquê:

Parece clichê, mas as convidadas muitas vezes saem nos tapas para pegar as flores. Essa tradição de pegar o buquê era para ser divertido… e não um barraco com convidadas descabeladas! Muita calma nessa hora meninas, até porquê , se não pegarem esse, haverá outro logo logo…

Você já pagou algum desses ou outro mico? Compartilhe com a gente nos comentários!
By |2017-11-07T15:44:33+00:00outubro 23rd, 2017|Etiqueta|0 Comentários

Deixar Um Comentário